domingo, 18 de abril de 2010

."parece que o amor chegou".

Eu já sou tanta euforia, tanto riso que não caibo mais em mim, já não tenho espaço, já não me sou suficiente, já me perco em meus traços sou brisa e ventania, não me contento em alegria. Já sou tanto amor e tanto delírio. Que de mim faço pedaço, que de mim faço hospício. Já não me tomo por certeza, em cada assombro com a grandeza. Já sou tão grande dentro de mim tão ocupante do meu ser, nem vejo meu fim e só vejo uma única solução ante tamanha ocupação é preciso me fazer ocupante de você, é preciso estar onde seu sorriso está... Já sou tanto riso, tanta euforia que já não caibo mais em mim, já não me tomo por certeza, só me sou suficiente se parte minha for você.

2 comentários:

  1. nossa belo texto moça. adoro seus textos, naum me eskeci do nosso livro heimm, heherss

    ResponderExcluir